domingo, 26 de dezembro de 2010

Pan-Nacionalismo

"Aqui é apenas adequado dizer que o desaparecimento das Nações não nos teria empobrecido menos do que se todos os homens tivessem se tornado idênticos, com uma única personalidade e um único rosto. As Nações são a riqueza da humanidade, suas personalidades coletivas; a menor das quais veste suas próprias cores especiais e porta dentro de si uma faceta especial das intenções divinas."
(Aleksandr Solzhenitsyn, Trecho do discurso quando do recebimento do Nobel de Literatura em 1970)

Nenhum comentário:

Postar um comentário