segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Resistência

"A Fraternidade não pode ser destruída, porque não é uma organização no sentido habitual do termo. A sua coesão assenta apenas numa coisa: uma ideia, uma ideia indestrutível. Nunca haverá nada que vos ampare, exceto essa ideia (...) Vocês terão de se habituar a viver sem resultados nem esperança. (...) Convençam-se de que é improvável virem a ocorrer mudanças perceptíveis durante a vossa vida. Nós somos os mortos. A nossa única vida autêntica está no futuro. Viveremos essa vida como uma mão cheia de pó e estilhaços de ossos. Mas ninguém sabe quando virá este futuro. Até pode ser daqui a mil anos. De momento nada podemos fazer senão alargar de pouco e pouco os espaços de saúde mental. Impossível agir coletivamente. Só podemos difundir o nosso conhecimento de indivíduo a indivíduo, de geração a geração."
(George Orwell, 1984)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.